Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  2.49 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  O cultivo da papoula na Colômbia: um estudo de caso sobre os agricultores familiares do município de Silvia (Cauca)
Autor:  
  Elizabeth Del Socorro Ruano Ibarra   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNB/AGRONEGÓCIOS
Área Conhecimento  
  INTERDISCIPLINAR
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2008
Acessos:  
  207
Resumo  
  A inserção dos agricultores familiares colombianos no plantio da papoula tem sido objeto da preocupação das instituições governamentais e não governamentais da Colômbia ao longo do tempo; principalmente em face dos fracassos das políticas adotadas pelo governo para reversão do quadro atual. Neste particular; este estudo teve por objetivo buscar respostas para as diferentes questões que se evidenciam sobre o assunto; dentre as quais saber se a racionalidade que procura ser imposta mediante a estratégia de desenvolvimento da política de luta contra as drogas ilícitas é compatível com a dinâmica do problema e por que as estratégias e ações da política pública são mantidas mesmo quando seu fracasso é evidente. Para análise tomou-se como método a realização de um estudo de caso sobre o Município de Silvia; Departamento de Cauca; sul da Colômbia. Propôs-se a superar analiticamente o contraste das descobertas da pesquisa de campo com o referencial teórico: território; habitus; violência simbólica; racionalidade; “nova ruralidade”; enfoque territorial de desenvolvimento; eficiência; mudança institucional e políticas públicas. Os resultados da investigação permitiram constatar que o fracasso verificado da política de controle as drogas ilícitas na Colômbia evidencia a falta de concordância entre a racionalidade dos formuladores dessa política e a dinâmica dos territórios afetados com esse fenômeno. Por tratar-se de uma problemática que não se reduz simplesmente à legalidade ou à renda; acredita-se que o enfoque territorial de desenvolvimento é o desafio a ser perseguido pelos movimentos sociais desse território. Nessa perspectiva a pesquisa constitui-se numa reflexão que retoma os conflitos; a heterogeneidade e as similitudes nas manifestações da “nova ruralidade” nos territórios latino-americanos; no contexto do capitalismo contemporâneo.
     
    Baixar arquivo