Portal Domínio Público - Biblioteca digital desenvolvida em software livre  
Missão
Política do Acervo
Estatísticas
Fale Conosco
Quero Colaborar
Ajuda
 
 
Tipo de Mídia: Texto
Formato:  .pdf
Tamanho:  2.49 MB
     
  Detalhe da ibra
Pesquisa Básica
Pesquisa por Conteúdo
Pesquisa por Nome do Autor
Pesquisa por Periodicos CAPES
 
     
 
Título:  
  O cultivo da papoula na Colômbia: um estudo de caso sobre os agricultores familiares do Município de Silvia (CAUCA)
Autor:  
  Elizabeth Del Socorro Ruano Ibarra   Listar as obras deste autor
Categoria:  
  Teses e Dissertações
Idioma:  
  Português
Instituição:/Parceiro  
  [cp] Programas de Pós-graduação da CAPES   Ir para a página desta Instituição
Instituição:/Programa  
  UNB/AGRONEGÓCIOS
Área Conhecimento  
  INTERDISCIPLINAR
Nível  
  Mestrado
Ano da Tese  
  2008
Acessos:  
  152
Resumo  
  A inserção dos agricultores familiares colombianos no plantio da papoula tem sido objeto da preocupação das instituições governamentais e não governamentais da Colômbia ao longo do tempo, principalmente em face dos fracassos das políticas adotadas pelo governo para reversão do quadro atual. Neste particular, este estudo teve por objetivo buscar respostas para as diferentes questões que se evidenciam sobre o assunto, dentre as quais saber se a racionalidade que procura ser imposta mediante a estratégia de desenvolvimento da política de luta contra as drogas ilícitas é compatível com a dinâmica do problema e por que as estratégias e ações da política pública são mantidas mesmo quando seu fracasso é evidente. Para análise tomou-se como método a realização de um estudo de caso sobre o Município de Silvia, Departamento de Cauca, sul da Colômbia. Propôs-se a superar analiticamente o contraste das descobertas da pesquisa de campo com o referencial teórico: território; habitus, violência simbólica; racionalidade; "nova ruralidade"; enfoque territorial de desenvolvimento; eficiência; mudança institucional e políticas públicas. Os resultados da investigação permitiram constatar que o fracasso verificado da política de controle as drogas ilícitas na Colômbia evidencia a falta de concordância entre a racionalidade dos formuladores dessa política e a dinâmica dos territórios afetados com esse fenômeno. Por tratar-se de uma problemática que não se reduz simplesmente à legalidade ou à renda, acredita-se que o enfoque territorial de desenvolvimento é o desafio a ser perseguido pelos movimentos sociais desse território. Nessa perspectiva a pesquisa constitui-se numa reflexão que retoma os conflitos, a heterogeneidade e as similitudes nas manifestações da "nova ruralidade" nos territórios latino-americanos, no contexto do capitalismo contemporâneo.
     
    Baixar arquivo